Rota para cruzeiristas

Um passeio circular pelo Ensanche e pelo centro histórico

Esta rota urbana por Vigo em 90 minutos permite-lhe descobrir a Vigo mais essencial num passeio curto e animado. Caso chegue a Vigo em cruzeiro ou esteja a planear um fim de semana em Vigo, com esta rota de menos de 2 horas poderá aproveitar para dar uma volta pelo centro histórico e conhecer os elementos que fazem de Vigo a cidade mais moderna da Galiza – saindo do Cais de Transatlânticos até chegar ao verdadeiro coração de Vigo.

Para começar, nada melhor do que um passeio pelos jardins das Avenidas, o passeio marítimo da cidade, ficando o porto desportivo à sua esquerda e nos quais há uma vista ampla de toda a ria. Ao longo desse passeio marítimo e do parque da Alameda, na Praça de Compostela, podem apreciar-se excelentes exemplos da arquitetura senhorial de Vigo de finais do século XIX, quando a cidade teve o seu maior desenvolvimento. Na rua Policarpo Sanz – subindo da Praça de Compostela pela rua Colón –erguem-se os edifícios mais significativos do percurso dourado da arquitetura viguesa, como o Teatro Novacaixagalicia ou as sedes de vários bancos.

Se continuar pela rua Policarpo Sanz, o percurso termina na Porta do Sol, que recebeu o seu nome por ser uma das principais portas de entrada para as antigas muralhas. Nesta praça ergue-se O Sireno, uma escultura que representa um ser metade peixe, metade homem que representa a simbiose entre Vigo e o mar. Aí começa a rua Príncipe, pedonal e comercial, na qual se encontra o Museu de Arte Contemporâneo. Após percorrer essa barulhenta rua até ao final, pode-se virar à direita por detrás do museu e voltar para trás pela via paralela, também repleta de lojas.

De volta à Porta do Sol, atravessa-se o centro histórico pela Praça da Constitución, onde se situava a antiga Câmara. Dessa praça, saem várias ruas com lojas de artesanato e produtos gastronómicos típicos.

Caminhando pelas ruas do centro histórico para o mar passa-se mesmo ao lado da Colegiata de Santa María, a principal igreja da cidade, acabando numa passadeira aérea que comunica com o Shopping A Laxe, no Cais de Transatlânticos. Esta é uma zona de excelente gastronomia galega, na qual se destacam os produtos do mar e os vinhos com denominação de origem Rías Baixas.

Dicas e recomendações: 

Os extremos dos diques que abraçam e protegem o porto desportivo, a par do extremo do Cais de Transatlânticos, são excelentes miradouros para a ria de Vigo.

No Cais de Transatlânticos há uma passadeira de comunicação direta com o mercado de A Pedra e o centro histórico, com uma vista incomparável da ria de Vigo.

As ostreiras de A Pedra estão lá todas as manhãs do ano e no verão também estão durante a tarde e a noite.

O MARCO abre todos os dias do ano, exceto às segundas-feiras.

Galeria de Imagens: 
Turismo de Vigo
Turismo de Vigo
Turismo de Vigo
Turismo de Vigo

Informação prática

Distância: 3 quilómetros.

Duração do percurso: Uma hora e meia de passeio com paragens.

Dificuldade: Simples.

Tipo de rota: Circular.